Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

IFPA realiza Aula inaugural do Curso de Técnico em Informática (EaD)

  • Publicado: Quarta, 21 de Dezembro de 2016, 20h02
  • Última atualização em Quarta, 21 de Dezembro de 2016, 20h03
  • Acessos: 807
imagem sem descrição.

 

Aconteceu, na última terça-feira, dia 20, a Aula Inaugural do Curso de Técnico em Informática, na modalidade a distância - EaD, do Instituto Federal do Pará – IFPA. O evento, marcado para a mesma data nos seis polos participantes, marcou o início das atividades da turma 2016/2 do curso promovido pela Rede e-Tec Brasil/IFPA.

Com auditórios cheios nos campi de Abaetetuba, Bragança, Breves, Conceição do Araguaia, Paragominas e Tucuruí, cada polo promoveu sua própria programação. Porém, todos puderam acompanhar, em comum, o vídeo de boas-vindas preparado pelo Departamento de Educação a Distância do Instituto. No total, 94% dos 300 matriculados estiveram presentes à atividade.

O vídeo de boas-vindas aos novos alunos foi destaque na programação comum a todos os polos. Com falas do Reitor da instituição, Cláudio Alex da Rocha, da Pró-Reitora de Ensino, Elinilze Teodoro, do chefe do Departamento de Educação a Distância, Márcio Wariss, da coordenadora da Rede e-Tec Brasil/IFPA, Kamila Barbosa, e do coordenador do Curso, Ricardo Souza, o vídeo teve o objetivo de receber os estudantes, destacando informações relevantes do funcionamento do Programa e do Curso. “O vídeo ficou muito bom, bem editado e bastante didático. Os alunos ficaram vidrados”, elogiou o coordenador do Polo Bragança, Helton Pacheco.

Outros assuntos relevantes foram apontados pelos coordenadores dos polos no local, de forma que os alunos se sentissem inseridos e bem orientados sobre o curso que pretendem seguir. “A aula foi muito boa. Eu aprendi muitas coisas. Acho uma boa oportunidade de se aprender”, comentou Crisitane Reis, estudante em Paragominas. “Nós sabemos que é um curso em EaD, mas não temos muita noção das disciplinas, de quem vai nos acompanhar, e a aula inaugural foi necessária para esse entendimento”, avaliou outra aluna do polo, Marlene Santos.

 Com o evento, muitos estudantes aumentaram suas expectativas em relação ao curso. “Eu já busquei muito esse curso aqui, em várias instituições de Paragominas, e não encontrei antes. Eu quero concluir, passar por todas as fases, aprimorar e formar-me em Técnico em informática”, declarou Mailson da Silva. Álvaro de Lima já trabalha na área, mas deseja ir mais além. “Programação, por exemplo, já tive só uma ideia, mas não trabalho ainda com isso. Então, eu tenho uma perspectiva muito boa em relação ao curso para conhecer mais, para aprender mais”, conta.

O policial militar Jeferson Oliveira, inscrito no Polo Tucuruí também ficou motivado. “A área que a instituição está ofertando é de ampla oportunidade no mercado de trabalho, e espero obter sucesso”, observou. “É diferente do curso presencial pelo que eu percebi, mas isso vai do esforço de cada um, dedicação, disciplina. Estou muito motivado”, completou sobre a modalidade a distância.

“Em termos de qualidade, comparado ao curso presencial, não há diferença. Os professores do programa preparam um material de excelente qualidade. O que eu vejo é a de organização do horário dos alunos como o maior desafio”, avalia Anderson Barbosa, diretor-geral do Campus Tucuruí. “Não posso esconder minha alegria de ver tudo isso acontecendo, especialmente por saber de toda a dificuldade que enfrentamos. Agora, após a realização da aula, escutando os anseios de alguns alunos, só cresce a nossa responsabilidade de oferecer um curso que esteja à altura dessa expectativa”, concluiu Márcio Wariss.

Próximas etapas

As aulas do curso iniciam em março de 2017 e se estendem por três semestres. Ao longo de janeiro e fevereiro, contudo, os polos devem realizar atividades para seus estudantes de EaD.

A Aula Inaugural foi requisito para concretizar a matrícula. No entanto, de acordo com o Informativo nº 01/2016-PROEN, os alunos que não se apresentaram têm até o próximo dia 23 (sexta-feira) para justificar a ausência. Após avaliação das justificativas, serão efetivadas as matrículas dos estudantes da lista de espera.

Caso o aluno já matriculado, por algum motivo, precise abrir mão de sua vaga, deve obrigatoriamente comparecer ao campus de seu polo o quanto antes para assinar o termo de desistência.

Para mais informações, prazos e procedimentos, CLIQUE AQUI.

Texto: Íris Jatene - Jornalista CTEAD IFPA Belém

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página